Agrupamento de Escolas de

PEDROUÇOS

[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

“Plano Plurianual de Melhoria” TEIP

Atualização 2018-2021

Na sequência dos desafios que a entrada em vigor dos Decretos-Lei n.º 54/2018 e 55/2018 nos colocaram, a (re)construção do Plano Plurianual de Melhoria (PPM) surge agora como oportunidade de, enquanto Território Educativo de Intervenção Prioritária (TEIP), redesenharmos a nossa ação, promovendo as alterações/adaptações/melhorias que nos permitam responder-lhes com eficiência e eficácia.

Cabe-nos olhar para as nossas ações, verificar a sua atualidade e pertinência e reorientá-las em função do novo documento estruturante da educação: o Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória (PASEO). Desse modo, o PPM poderá operacionalizar a implementação do Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular (PAFC) que o DL 55/2018 preconiza, das Medidas de Suporte à Aprendizagem e Inclusão (MSAI) que o DL54/2018 que tornam a nossa Educação Inclusiva e da Estratégia de Educação para a Cidadania da Escola (EECE).

Procuraremos, assim, criar condições para uma melhoria efetiva das aprendizagens, para o desenvolvimento de competências que permitam aos nossos alunos o exercício de uma cidadania ativa e informada, para olhar o nosso contexto específico e dar respostas às necessidades e potencialidades de todos e de cada um dos nossos alunos.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Regulamento Interno

O Regulamento Interno é o instrumento político por excelência da expressão da Autonomia do Agrupamento enquanto comunidade educativa, na medida em que concede um maior poder de regulação no âmbito da tomada de decisão sobre o seu próprio funcionamento e organização internos, para maior eficiência e eficácia no cumprimento da sua Missão.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Plano Plurianual de Atividades

“O presente Plano Plurianual de Atividadespretende concretizar-se a partir da elaboração de planos anuais de atividades, durante o triénio 2022-2025, tendo em consideração a organização/funcionamento do Agrupamento definida no seu Regulamento Interno. Estes documentos pretendem orientar e concertar a ação educativa do Agrupamento definida no Projeto Educativo do Agrupamento (PEA) / Plano Plurianual de melhoria TEIP, operacionalizando os princípios, os valores, as metas e as estratégias neles consagrados. Anualmente, serão realizados relatórios trimestrais e anuais de atividades, no âmbito das práticas de monitorização, acompanhamento e avaliação do trabalho desenvolvido no Agrupamento de Escolas de Pedrouços.”

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Estratégia de Educação para a Cidadania de Escola

Cada vez mais, as sociedades atuais caraterizam-se pela volatilidade, incertezaimprevisibilidade. As mudanças aceleradas a que temos assistido trazem novos desafios à escola,enquanto espaço privilegiado de aprendizagem e de desenvolvimento de competências e literaciasdiversas que permitem aos nossos jovens adaptar-se à complexidade do mundo em que vivemos.Educar para a cidadania, numa escola que se deve assumir ela mesmo como um espaço de cidadania,significa cumprir o direito de cada um dos nossos alunos e alunas a desenvolver o máximo das suaspotencialidades, de forma a conseguir participar ativamente na vida política, económica e social

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Plano E@D

Os alunos do 1º, 2º e 3º ciclo e Secundário começarão o 3ºperíodo com Ensino à Distância, através da Plataforma Teams.
A forma como cada nível de ensino cumprirá as suas tarefas está descrita no Plano E@D.
Para aqueles alunos que ainda não possuem os equipamentos necessários, os professores tentarão encontrar outras soluções, de modo a não prejudicar ninguém.
O Agrupamento de Escolas de Pedrouços, em conjunto com as Autarquias de Gondomar e da Maia, procurará ir ao encontro das necessidades de cada aluno, ajudando sempre dentro das suas possibilidades ao nível do 1ºciclo.

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas de Pedrouços

O Projeto Educativo do Agrupamento PE é o documento orientador do planeamento da ação educativa do Agrupamento, devendo servir de quadro de referência no qual se revejam todos os elementos da Comunidade Educativa em que o Agrupamento se insere. O Projeto Educativo é o documento basilar da Escola, pois é nele que se define toda a orientação da atividade educativa e escolar, construída de forma partilhada, realista, motivadora e avaliável, no sentido de poder ser melhorada.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Projeto do Processo de Autoavaliação do Agrupamento

Numa sociedade complexa e dinâmica como aquela em que vivemos hoje, as reformas com o objetivo de aperfeiçoar o sistema educativo rumo à melhoria dos serviços prestados e, sobretudo, à melhoria dos resulta-dos alcançados, têm sido uma constante. Neste processo, a Escola tem-se deparado com a necessidade de se tornar apta a lidar com a mudança – e, para tal, teve (ou tem) de aprender a refletir, a reconhecer os erros, a vencer as barreiras e a encontrar novas soluções –, impondo-se-lhe a implementação de um processo de (auto)avaliação consistente, que potencie a otimização das estratégias, que se esperam adequadas à resolução dos seus problemas e potenciadoras da melhoria dos processos e dos resultados.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital da Escola (PADDE)

O plano de ação iniciou-se com um diagnóstico “CHECK-IN” em Maio de 2021 e posteriormente com os inquéritos “SELFIE”, em Novembro de 2021. Observaram-se as competências digitais dos seus intervenientes diretos – dirigentes, professores e alunos.
Depois da análise dos primeiros inquéritos iniciou-se a atualização dos níveis de proficiência digital dos professores e dirigentes, com a formação específica de acordo com os níveis obtidos nos questionários aplicados.
Relativamente aos segundos, refletiu-se sobre as problemáticas mais diretas que os diversos intervenientes do inquérito mostraram como necessidade de alterar, ou melhorar.

Devido aos sucessivos confinamentos de 2020 provocados pela pandemia do COVID-19, houve necessidade de uma rápida adaptação à nova realidade em contexto de aprendizagem. No âmbito do ensino a distância iniciou-se a utilização de novas ferramentas (software e hardware), bem como outras metodologias digitais, tendo os professores tido necessidade de uma autoformação e os alunos uma consciencialização da aprendizagem num outro formato, apesar das diferentes condicionantes pessoais de cada um dos intervenientes.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Relatório Anual do Projeto Maia

“Estamos perante novos desafios curriculares, pedagógicos e éticos que se centram na melhoria e adequação das aprendizagens dos alunos, através, designadamente, da escuta dos conhecimentos, das capacidades e dos valores que trazem consigo (…) que levam à produção progressiva de pensamento crítico e reflexivo”.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Projeto de Educação para a Saúde

No âmbito do protocolo estabelecido entre os Ministérios da Educação e Ministério da Saúde Despacho nº 25995/2005 (2ª série), Despacho nº 2506/2007 e Despacho nº 12 045 / 2006 (2ª série) foi aprovado o Programa Nacional de Saúde Escolar que delibera que a Educação para a Saúde deve ser considerada obrigatória em todos os estabelecimentos de ensino e integrar o Projeto Educativo da Escola. De acordo com o Despacho nº12045/2006 (2ªsérie), publicado no Diário da República nº 110 de 7 de Junho (referente ao Programa Nacional de Saúde Escolar), novos desafios se colocam ao Sistema Educativo: a par do trabalho de transmissão de conhecimentos organizados em disciplinas, a escola deve, também, educar para valores, promover a saúde, a formação e a participação cívica dos alunos, num processo de aquisição de competências que sustentem as aprendizagens ao longo da vida e promovam a autonomia.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]
[siteorigin_widget class=”SiteOrigin_Widget_Image_Widget”][/siteorigin_widget]

Plano de Formação 2023/2024

Na última década, assistimos temos vindo a assistir a uma mudança de paradigma do sistema de formação contínua, com o objetivo de o direcionar aos profissionais da educação para as prioridades identificadas pelas próprias escolas. Objetiva-se o aperfeiçoamento profissional dos docentes e não docentes e a promoção da melhoria da qualidade do ensino, alinhados com os objetivos educativos tanto a nível local como nacional. Ganha então relevo a capacitação de todos os profissionais que compõem a comunidade educativa, incluindo o pessoal não docente, sendo crucial para promover um ambiente escolar eficaz, seguro e propício ao desenvolvimento integral dos alunos.

Neste contexto, o Plano de Formação que ora se apresenta foi pensado e centrado no Agrupamento de Escolas de Pedrouços, desde o seu planeamento até à sua implementação. Acreditamos que é um caminho crucial, a ser privilegiado para atender às necessidades de desenvolvimento da organização escolar, às exigências de formação contínua dos profissionais, à assunção das aprendizagens dos alunos e, consequentemente, ao seu sucesso escolar”.

(…)

[siteorigin_widget class=”Inked_Accordion_SO_Widget”][/siteorigin_widget]